Notas breves: o romance e os romances

Atualizado: há 2 dias

Esta é a primeira publicação de nossas "notas breves": pequenas notas com indicações bibliográficas unidas por uma temática. Para hoje, escolhemos falar sobre o gênero literário romance.


Direto da Grécia Antiga

“Quéreas e Calírroe”, de Cáriton de Afrodísias (I d. C.), em tradução direta do grego, feita por Adriane de Silva Duarte, acaba de ser lançado pela Ed. 34. É considerado um dos primeiros romances ocidentais.



Ainda sobre o romance grego

Jacyntho Lins Brandão, professor da UFMG e expressivo tradutor, escreveu o livro “A invenção do romance” (Ed. UnB, 2005), em que analisa os romances gregos da antiguidade.




Na ditadura brasileira

O pesquisador Pedro Dolabela Chagas publicou, pela Editora Unicamp, estudo substancial sobre os romances brasileiros do período das décadas de 1960 a 1980. É o “Todos eles romances: a variação do gênero no Brasil 1960-1980” (2020).


Franco Moretti

Esse crítico literário italiano, um dos maiores estudiosos do gênero romance, teve um de seus clássicos publicado pela Todavia. “O romance de formação” (2020) percorre autores e personagens fundamentais do universo romanesco do século 19.


Editora UNESP

Além de rico catálogo de não-fição, ligada ao universo acadêmico, a Editora UNESP passa a emprestar sua qualidade editorial também para a publicação de autores clássicos de ficção em língua portuguesa, como Machado de Assis, Eça de Queirós, Lima Barreto.


{texto: vozdaliteratura.com}

© 2020 {voz da literatura}

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • Branco Ícone Google+