MÚSICA | O livro do disco: Gilberto Gil - Refavela

Atualizado: 16 de Ago de 2018


{} O livro do disco: Gilberto Gil - Refavela | Maurício Barros de Castro | Ed. Cobogó | 2017

Imagine se, além do encarte de um disco, você tiver em suas mãos um livro que explica minuciosamente as condições históricas de composição, produção e gravação de canções antológicas?


É o que se encontra na série da Cobogó "O livro do disco".


O dedicado ao Refavela (1977), de Gilberto Gil, enquadra-se em uma trilogia de Gil dedicada à música brasileira e com referências afro, como Refazenda e Realce.


O autor Maurício Barros de Castro divide em duas partes seu estudo e exposição sobre Refavela. Primeiro cuida do conceito do disco, desenhando um pano de fundo histórico e da vivência de Gil na África para compor algumas das canções do disco. Na parte seguinte, empenha-se em apresentar cada faixa, canção por canção, entre elas: "Aqui e agora", "Sandra", "Refavela”.


Fazem falta, para ilustrar a obra, imagens do encarte e do próprio disco, fotos da gravação e de momentos da viagem de Gil à Nigéria. Contudo, apesar dessa lacuna, o livro merece ser lido por todos que se interessam pela história da música popular e têm curiosidade sobre a história de canções como as presentes em Refavela, reveladoras sobre o processo histórico brasileiro no final dos anos 70. E não deixa de ser também um louvor e uma homenagem a uma dos principais músicos e compositores do país: Gilberto Gil.


{n. 4 | agosto | 2018}


Gil canta "Refavela" em comemoração aos 40 anos do disco homônimo:


© 2020 {voz da literatura}

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • Branco Ícone Google+